Fios de Nylon

Autora

Nascida em julho de 1987 (data da qual se orgulha muito) esta canceriana de Belo Horizonte é jornalista por formação e escritora por paixão. Desde muito pequena sempre teve gosto pelas artes, aos 11 anos escreveu seu primeiro rascunho narrativo, advindo de um entusiasmo frenético pela chegada de seu primeiro computador em 1998. Um ano mais tarde se apaixona pela arte da fotografia com a sua mais nova aquisição da época: uma câmera analógica de filme Yashica e nunca mais parou de interessar-se nesta arte.

Anos mais tarde, um pouco mais madura, mas não menos inexperiente, voltou a desenvolver interesse pela escrita. paixão que a obrigou a criar vários blogs ao longo de sua trajetória. Por hora escreve neste veiculo sobre comportamento, cultura e variedades, mas que também sempre acolhe em seu espaço gente inteligente, com vontade de divulgar assuntos novos e projetos legais.

Atualmente trabalha como assessora de imprensa, mas nas horas vagas gosta de dedicar seu tempo ao que mais lhe dá prazer: buscar inspirações, ler bons livros, tomar café e ouvi uma boa música. Mas se for tudo isso ao mesmo tempo, melhor! É uma pessoa de personalidade marcante e forte e que adora discutir a respeito de tudo, mesmo que não entenda do assunto. Mas o único jeito de se saber mesmo quem ela é, só a conhecendo mesmo! Tem um tempo livre ai?

eu_pinterest

Graduada em Comunicação Social com habilitação em jornalismo (2014) pela PUC Minas, desde sempre teve uma forte inclinação pelo mundo da escrita. No mesmo ano inscreveu-se para uma vaga na Pós Graduação em Branding (Gestão de Marcas e Identidade Corporativa) também pela PUC Minas, formando-se em outubro de 2015. Somando todo este conhecimento, mais seu olhar crítico e observador aos acontecimentos e comportamentos sociais e somado a necessidade de relatar todas as suas impressões, o blog Fios de Nylon mostra-se uma poderosa ferramenta de difusão de seus estudos, observações e paixões. Usa a fotografia como forma de complementar seus textos “pois acredito que a imagem não só casa-se muito bem como consegue sintetizar uma ideia, texto ou pensamento numa única imagem”.

Fazer planos e traçar objetivos na vida é o que a motiva a procurar coisas diferentes para fazer e novas histórias para contar, pois como uma jornalista que é, observar e contar histórias é de sua natureza.

O universo digital é o grande palco deste espetáculo. Com o objetivo de transmitir apenas fatos corriqueiros, discussões sobre temas atuais e questionamento sobre o que acontece em nossa sociedade, a escritora oferece em seu site na web um pedaço de seu mundo, com um ponto de vista otimista do qual só compartilha coisas positivas, que segundo ela, os telejornais e a grande mídia de divulgação já cumprem seu papel de informar o conteúdo de utilidade pública. “Aqui ofereço ao meu leitor um momento de paz, relaxamento, reflexão e de descontração de certos paradigmas. Este espaço é um local em que as pessoas podem ter certeza de que encontraram textos que provoquem a discussão sadia, maneiras de se inspirar no dia a dia e formas alternativas de adaptar coisas simples em nossas vidas para além do consumo”, destaca.

Fora o blog, Carla também alimenta continuamente suas inúmeras, diga-se de passagem, redes sociais, das quais podemos acompanhar de perto o significado de todos estas descrições sobre ela citadas anteriormente. “Nada melhor do que acompanhar o trabalho de alguém para saber se sua biografia condiz com a realidade. Por isso convido a todos (as) vocês a me acompanharem não apenas aqui no Fios de Nylon, mas também em todas ou nas principais redes sociais em que estou presente”, conclui a escritora.

Deixe uma resposta