Como eu consegui emagrecer

Fazer dieta nunca foi algo confortável para mim porque eu achava que pra emagrecer você tinha que fazer dietas rígidas, e fazer dietas rígidas era sofrimento. Logo eu desenvolvi o pensamento na minha cabecinha de que perder peso era passar fome e sofrer. Pura estupidez. Digo isso porque sou a prova viva de que sim, a pessoa mais preguiçosa do mundo consegue fazer dieta. O primeiro passo é não encarar a dieta como dieta. Eu me consultei em janeiro do ano passado com uma endocrinologista, pois sentia alguns desconfortos em meu corpo que eu suspeitava ser disfunção hormonal. Ao me consultar e fazer os exames foi confirmado, Tireóide lá nas tampas e tudo desregulado. Fiz mais baterias de exames, me foram receitados remédios específicos e uma reeducação alimentar.

A reeducação alimentar não corta os alimentos de sua rotina, apenas dosa o que você deve comer e na hora certa. Não deixei de comer doces, mas houve época que só consumia produtos diets porque meus exames estavam totalmente descontrolados, glicose então nem se fala. Mas nunca deixei de comer nada que eu já comia. Claro que as besteirinhas do dia a dia como batata chips, nachos de pacotes, sorvetes e chocolates eu simplesmente bani de minha alimentação.

Passei a consumir mais legumes e hortaliças que antes, inseri mais vezes frutas nas minhas refeições, porque eu costumava comer maça uma vez por semana, agora é quase todo dia. Outra coisa que tive de aprender na marra é a inserir em minha nova rotina de alimentação alimentos que antes eu não conseguia nem sentir o cheiro, brócolis por exemplo. Descobri que condimentos alternativos podem te ajudar muito nessas horas como orégano, erva doce e ervas finas ajudam um monte.

Regular a minha rotina de alimentação foi essencial para que eu perdesse 11Kg e sair do manequim 46 para o 42. A maior dica que posso dar para quem deseja mudar seus hábitos alimentares é começar a organiza-se. Fazer um cardápio de sua nova rotina de alimentação ajuda muito, melhora inclusive a sua ida ao mercado, pois sabendo o que você comerá na semana, você não se tenta a comprar coisas supérfluas. Outra dica boa para quem se encontra neste processo de reeducação alimentar é variar o que come. Tente equilibrar coisas que você ama, batata assada, com legumes ao vapor por exemplo, assim a variedade de alimentos e nutrientes que você ingere será maior e você não enjoará com facilidade.

Abaixo está a tabela com toda a minha rotina alimentar. Vocês podem usar como base e imprimir várias e preencher conforme a necessidade do momento!

cardapio

Café da manhã tento mesclar frutas e carboidrato que é uma fatia de pão integral.
Lanche consumo uma fruta.
Almoço é basicamente 2 colheres de sopa de arroz, uma concha de feira, salada e carne à minha escolha.
Lanche da tarde mais uma fruta, mas neste caso tenho gostado muito de banana amassada com mel e canela.
Café da tarde como o mesmo que de manhã, mas tento variar o carboidrato.
Lanche do anoitecer costumo comer uma fruta cítrica.
Jantar como a mesma quantidade do almoço, porém minha única restrição fica por conta do feijão.
Ceia noturna equivale a um lanche de frutas ou se preferirem um pacote de biscoito integral Clube Social ou três rosquinhas de Nesfit.

Jornalista, mineira de Belo Horizonte, 30 anos e apaixonada por cinema, livros, música e fotografia. Não sou de muita conversa, pois prefiro me expressar através de textos. Nascida na era da internet, blogo desde 2008. Para saber mais sobre minha história clique em Autora.

One thought on “Como eu consegui emagrecer

Deixe uma resposta