Fios de Nylon |

Montando seu kit básico de fotografia

Quando digo que 2016 foi um ano positivo para mim eu não estou brincando. Foi nesta data, neste mês mais precisamente, que consegui realizar mais uma meta bem antiga que eu tinha me colocado, mas sem prazo definido. Quando comprei minha Canon T3i em 2012 (com meu último salário do estagio que eu fizera) eu não sonhava que um dia sequer poderia ter uma lente profissional. Jamais me imaginei com uma lente além da que vem no kit, pra ser sincera. Passaram-se quatro anos após a compra e ela ainda está aqui na ativa comigo, mas com alguns diferenciais: agora posso dizer que tenho um kit de ponta para trabalhar minhas fotografias.

Foram nestes quatro anos que consegui montar meu singelo kit. Quando surgia o interesse por alguma lente eu nunca comprava de imediato, pois é um acessório caro e bem definitivo. Tanto que a primeira que comprei foi a minha Fish Eyes 48mm (que nem marca tem) em 2013 no eBay. paguei cerca de U$48 dólares (R$90) na ;epoca, um perco barato ao meu ver. Depois dela levei mais um ano para adquirir a minha Ef 50mm 1.8, que na época saiu por R$300, uma pechincha se compararmos a hoje. Como a 18-55mm Ef 4.6 já vinha no kit, a utilize exaustivamente até que a minha cinquentinha chegasse, pois precisava de uma lente mais clara, coisa que era mais complicado de se conseguir com uma lente escura como a do kit.

A maior e mais cara aquisição foi a Canon 24-105mm Ef 4 L que custou R$2.700 no mercado livre. Tal preço se justifica pela sua robustez e construção. Enquanto as minhas outras lentes, inclusive a do kit da T3i, são estruturadas por um corpo de plástico, esta belezinha profissional é construída e possui acabamento em alumínio super resistente, tanto que possui uma tecnologia que não permite o contato da lente com sujeiras externas enquanto acoplada ao corpo. Tudo bem que agora meu kit possui duas lentes escuras, mas esta 24mm tem um alcance focal muito superior ao da 18mm. Sem falar na maravilha que é seu sensor USM que não emite ruídos ao ser acionado. Falar em ruídos, esta lente também foi concebida para corrigir aberrações cromáticas de outras séries de lentes da Canon, o que ajuda muito, já que agora não preciso me preocupar tanto perder qualidade nas bordas das fotografias como acontece com as demais lentes do meu kit.

Continuarei usando todas estas lentes e não pretendo tão cedo pensar em me desfazer de nenhuma delas, pois cada qual possui uma finalidade bem específica nos ensaios fotográficos que faço para fora e das fotos que tiro aqui para o blog. Espero que minha história tenha servido de inspiração, pois montar um kit de fotografia não é fácil e nem barato, a não ser que você já seja uma pessoa rica, e por isso não se fruste ou desanime se você ainda não tem dinheiro para investir em um equipamento ou acessório top de linha, pois eu levei quatro anos para adquirir minha primeira lente profissional. E sinceramente, fotografia é mais técnica e gambiarra do que materiais caros!

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: