Fios de Nylon |

Peanuts

Peanuts collection e suas frases inspiradoras

Com mais de 60 anos de existência, as tirinhas de Charles M. Schulz ainda são tão relevantes que continuam rendendo impressões, traduções e criação de filmes sobre Charlie Brown e sua turma. Peanuts ou simplesmente “minduin” é o tipo de história que ainda me surpreende a cada tirinha. Mesmo tendo lido a maioria, sempre gosto de dar uma repassada. As falas engraçadas, sinceras e cheias de ironia dos personagens sempre me levantam o astral.

Esta coleção simpática de bolso contendo quatro exemplares são compilados das falas dos personagens. A filosofia Peanuts é uma espécie de manual de vida para mim. Uma vida toda na verdade. Sempre que preciso de um apoio emocional, inspiração ou mesmo ler algo mais leve para me distrair, recorro às tirinhas do Snoopy. Elas me fazem pensar bastante sobre absolutamente tudo na vida. Por isso achei genial a editora V&R separar em temáticas cada filosofia de vida dos personagens.

Ao contrário da coleção mini que comprei na Amazon gringa, que também contém quatro exemplares, este se divide em pensamentos individuais dos personagens. Esta coleção do Peanuts me lembrou muito aquele álbum de figurinhas de “Amar é…”, quem se lembra?

Estes quatro livrinhos estão sempre em minha mesinha de cabeceira. Isto justamente porque sempre tenho recorrido a eles para ponderar sobre as coisas da vida. E tem dado muito certo. Digo ainda que esta é o tipo de leitura que todo adulto deveria ler. Aliás, qualquer pessoa em qualquer época da vida. O nosso problema em achar que Peanuts é  literatura infantil. Existem mensagens ali que moldarão o caráter da criança sim. Mas também possui reflexões básicas que nós adultos esquecemos quando nos tornamos “gente grande”. E não devíamos.

Por isto, se tiver a oportunidade de adquirir estes livrinhos ou qualquer outro produto relacionado às histórias do Snoopy, faça-o. Pois você terá em mãos um material de ensinamentos sobre tudo para o resto da vida!

Jornalista, mineira de Belo Horizonte, 30 anos e apaixonada por cinema, livros, música e fotografia. Não sou de muita conversa, pois prefiro me expressar através de textos. Nascida na era da internet, blogo desde 2008. Para saber mais sobre minha história clique em Autora.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: