Fios de Nylon |

Por uma vida mais positiva

Meu processo para uma vida positiva

“Sábio é aquele que conhece os limites da própria ignorância.” – Sócrates –

Esta última semana tem sido crucial em minha vida. Tenho refletido sobre tudo o que se passa ao meu redor. Pensando o por que as coisas não dão certo ou por que elas demoram demais pra vir. Enquanto para outras pessoas tudo parece vir num piscar de olhos. Foi seguindo esta linha de pensamento que percebi que eu estava vivendo numa espiral de negatividade, e com isto decidi me tornar uma pessoa mais positiva.

A gente só percebe que está num ciclo ruim da vida quando paramos pra refletir. E que pena que só percebemos isto quando algo ruim mesmo acontece. Mas no meu caso, que bom que essas coisas aconteceram pra me alertar. O sinal amarelo apareceu e eu precisei parar para refletir sobre tudo. Da comida, a roupa que visto e principalmente dos pensamentos que projeto na mente.

Descobri que as coisas que me incomodam na verdade são frutos dos meus desejos. Pode parecer estranho dizer isto em voz alta, mais ainda escrever, mas a verdade é que vivemos num mundo em que toda reação é fruto de uma ação. A terceira lei de ação e reação de Isac Newston respalda esta minha teoria.

Por uma vida mais positiva e leve

Foi pensando em tudo isto que entrei num processo de autoconhecimento e evolução pessoal. Ele consiste em fazer uma apanhado geral de tudo o que está ou não acontecendo em minha vida. Após esta reflexão farei um exercício de dois passos iniciais: não reclamar e ser grata por tudo. Após cumprir estas duas metas irei registrar, numa espécie de diário pessoal impresso, todas as coisas boas que eu conseguir ir reconhecendo no meu dia-a-dia. Se neste dia acontecer algo ruim que me tire o foco da tentativa de ser uma pessoa mais positiva, devo registrar os aspectos bons deste fato no caderno. ou seja, deixar registrado apenas os aprendizados bons. Como um filtro conversor, que pega as energias ruins e as transforma em energias prósperas e boas.

Na concepção da mecânica quântica, a energia nunca é destruída, mas sim transformada. O mesmo acontece em nossas vidas. As coisas simplesmente não se consomem e evaporam para o nada, elas transmutam. O objetivo deste meu exercício é transformar os acontecimentos ruins em bons. Polarizar e inverter suas cargas, e com isto aproveitar melhor o que o universo tem de positivo a me oferecer.

Aprendendo a ser positiva com o livro O Segredo

Não dá pra ser positiva o tempo todo, mas…

A gente se sabota o tempo todo, eu mesma já me peguei várias vezes fazendo isso. Por isto é muito importante direcionamos nossas energias em possibilidades construtivas. Deixar que a amargura e o ressentimento deem espaço à gratidão, alegria e esperança. Acredito que após finalizar esta primeira parte do exercício de autoconhecimento conseguirei concentrar nos meus objetivos e nos aspectos positivos da vida com maior facilidade. Sem necessidade de ficar me vigiando tanto. Isto se tornará algo natural, como deveria ser desde sempre.

Vale lembrar que apesar dos esforços, surgirão problemas e principalmente pessoas em nosso caminho para nos desviar de nossos propósitos. Mas a questão principal é justamente isto: nosso propósito. Se sabemos bem o que queremos, com o tempo aprenderemos a lidar com estes desvios e assim cresceremos. Lembre-se de que, neste caminho as pessoas mais próximas de você serão as que mais lhe atrapalharão. Então pense num meio de vencer este obstáculo para que ele não o faça desistir de seu objetivo.

Tornar-se alguém mais positiva e próspera requer sacrifícios e muita dedicação. Não desanime e sempre que for necessário, respire fundo e mude a rota do seu GPS emocional!

Jornalista, mineira de Belo Horizonte, 31 anos e apaixonada por cinema, livros, música e fotografia. Não sou de muita conversa, pois prefiro me expressar através de textos. Nascida na era da internet, blogo desde 2008. Para saber mais sobre minha história clique em Autora.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: